Skip to content

O Deus racional e necessário de Spinosa

Quinta-feira, Novembro 11, 2010

Descartes caiu em uma pequena contradição ao tentar determinar a natureza da Substância. Em sua obra Princípios de filosofia ele afirma que Substância é aquilo que não precisa apenas de si mesma para existir. Sendo Deus a única coisa que se encaixa nessa definição, nada além dele existe e entramos em um impasse. Descartes tentou solucionar o dilema afirmando que Substância também pode ser entendida como algo que necessita de si mesma e Deus para existir. Logo, a Substância precisa e não precisa apenas de si mesmo para existir. Descartes criou um paradigma. Spinosa visualizou uma realidade panteísta para solucionar o problema. Apenas Deus existe e ele é tudo.

Enquanto mestre racionalista, Spinosa nega o Deus antropomórfico e vislumbra o Deus que se manifesta através da necessidade racional. As relações que a realidade revela são expressões dessa necessidade. Assim como os teoremas de um triângulo procedem do próprio não podendo proceder de outra forma, assim a realidade procede de Deus.

Não existe a possibilidade de a Substância remeter a outra coisa senão ela mesma, então ela é causa de si mesma. A partir daí podemos extrair a determinação de Deus: ser causa. A realidade existe porque Deus precisa ser causa, mas sendo causa de si mesmo a realidade apenas pode existir se fizer parte de Deus. O mundo é uma conseqüência da determinação dele. Sendo a liberdade definida por Spinosa como ser e existir de acordo com a determinação, Deus é livre.

Anúncios
No comments yet

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: